PUB
                             
PUB
Bem-Estar - 26.06.2018

Os óleos essenciais são o resultado da destilação muito concentrada de uma substância, nomeadamente plantas ou vegetais, tendo por finalidade a extração da essência benéfica para a saúde e bem estar.

Este processo de destilação concentrada dedica-se a extrair o essencial dos princípios ativos de uma substância conhecida pelas suas propriedades benéficas na saúde e bem estar. Por isso o aroma, a cor e a densidade variam de acordo com as características da extração essencial.

 Os óleos essenciais, usados em massagens, cremes ou loções de rosto e corpo, devem ser escolhidos na quantidade certa por quem os conhece, por só assim proporcionarem efeitos terapêuticos de bem-estar físico e emocional.

Alguns óleos essenciais são desde há séculos conhecidos pelas suas propriedades medicinais, Por exemplo o óleo de cravo da Índia é um analgésico muito poderoso, enquanto o de lavanda ou o de malaleuca são conhecidos pelos seus efeitos anticéticos.

Desde a cosmética à gastronomia, da indústria alimentar aos fins terapêuticos, os benefícios dos óleos essenciais são há muito reconhecidos. Fique a conhecer alguns deles:

Lavanda: Auxilia no equilíbrio físico, mental e emocional, ajuda a combater insónias.

Camomila: anti-inflamatória e calmante, auxilia a digestão, alivia náuseas, equilibra o sistema nervoso. Por isso permite uma boa noite de sono descansado. Ajuda também a lidar com os altos e baixos da TPM, menopausa ou a hiperatividade em crianças. Também alivia dores de cabeça, músculos doloridos, cólicas e reações alérgicas.

Cedro: inalado, pode auxiliar nos problemas respiratórios. É também diurético.

Canela: sendo uma especiaria muito utilizada na culinária, em óleo essencial reduz a irritabilidade, reduz as dores musculares e alivia as dores menstruais.

Capim limão: é indicado para combater o cansaço, ansiedade, depressão e dificuldades de concentração.

No entanto, são necessários alguns cuidados ao utilizar os óleos essenciais. Entre os quais:

- Ao utilizar os óleos essenciais deverá ter em atenção alergias e intolerâncias a determinados ingredientes. Não aplique um óleo essencial puro sobre a pele. Pode provocar irritações severas, alergias graves ou manchas cutâneas.

- Não devem ser usados por mulheres grávidas ou por quem reporte episódios de epilepsia.

- Os óleos essenciais são inflamáveis. Em condições de utilização, nunca os deve aproximar de fontes de calor.

PUB

Os Mais Vistos

Lifestyle

Um dia em família no Oriente de Lisboa

Lifestyle

As preferências dos consumidores

F Luxury no Instagram